Projeto de Pesquisa: Princípios de composição e concepção em dramaturgias do corpo cênico

Docente responsável: Alice Stefânia Curi

Descrição: Estudos teóricos, procedimentais e poéticos ligados aos processos de criação do corpo cênico, visando potencializar o engajamento composicional e concepcional de corpos em performance. São experimentados e discutidos procedimentos e noções conectadas a aspectos da atuação e da cena como: estados, afetos, ações psicofísicas, corporeidades, presença, performatividade, expressividade, teatralidade, composição, concepção, materiais, sentidos, relação, experiência, poética, etc.. São abraçadas práticas que, para além de perspectiva estética, agregam dimensão ética ao fazer cênico. A noção de dramaturgias do corpo é articulada à compreensão e experimentação do potencial de vetorização, construção e desdobramento de sentidos (semânticos, estéticos, vibráteis) pelas ações e estados do corpo cênico. Este projeto se vincula às linhas de pesquisa Dramaturgias do corpo cênico e Teatro do Instante, do grupo Poéticas do Corpo (DGP/CNPq). OBJETIVO GERAL: Vivenciar e aprofundar a noção de dramaturgias do corpo cênico, a partir da consolidação de espaços teóricos e práticos de treinamento, experiências e composições; desdobrar ações deste espaço, voltado para pesquisadores em artes cênicas (professores, alunos de graduação e pós e outros colaboradores), em produções artísticas, publicações e comunicações em eventos científicos.


Projeto de Pesquisa: Teatro do Instante

Docente responsável: Alice Stefânia Curi e Rita de Cássia de Almeida Castro

Descrição: O coletivo de criação Teatro do Instante é uma linha de investigação laboratorial do Grupo de Pesquisa Poéticas do Corpo, ligado à Universidade de Brasília e ao CNPq, coordenado pelas professoras Alice Stefânia Curi e Rita de Almeida Castro. Criado em 2009, o grupo se caracteriza por proporcionar a seus integrantes oportunidades de formação continuada; por seus processos colaborativos e parcerias com diferentes artistas; pela investigação de poéticas imersivas e em espaços não convencionais; por buscar temas e abordagens relevantes ao sujeito histórico e sensível; pela investigação de “práticas de si” tanto como meios de autocuidado, quanto para acessar estados e afetos potencializadores do trabalho performativo em seus âmbitos de criação e de recepção; e pelo aprofundamento da pesquisa teórica e crítica acerca dos processos e experiências poéticas, o qual repercute em espaços de discussão, e escrita de artigos e livros. Ao longo dos últimos anos os pesquisadores do coletivo criaram performances, espetáculos e filmes, além de publicarem diversos artigos e organizarem, produzirem e lançarem o livro “Poéticas do Corpo: instantes em cena”, pela Editora da UnB (2017).


Projeto de Pesquisa: Arte iterativa: Arte e tecnologia, performance, performance em telepresença e composição urbana com base em filosofias contemporâneas

Docente responsável: Bia Medeiros

Descrição: O projeto de pesquisa dá continuidade, amplia e aprofunda os projetos realizados no período 2007-2010 (Corpos Informáticos: Arte iterativa: performance, composição urbana) e 2010-2015, de mesmo título, ambos realizados no seio do Grupo de Pesquisa Corpos informáticos e a proposta Acocoré (Arte, Coletivos, Conexões e Redes. Arte e tecnologia iterativa: performance em telepresença) iniciado em 2020, inteiramente on line. Os projetos tem por objetivo primeiro pensar o(s) corpo(s) como composição/decomposição com o outro, com a cidade, com a web, considerada o espaço urbano por excelência nos dias de hoje, salientando o aspecto político desta composição/decomposição. Este processo se dá pelo que denominamos iteração, processo criativo colaborativo, político, em sua essência. Outros conceitos colaboram com o fundamento do conceito de iteração (que se distingue claramente do conceito de interação) na arte: grupo, composição urbana (composição/decomposição urbana), webarte como composição/decomposição da urbis virtual, pronóia (sic), performance e performance entendida como fuleragem (sic), mar(ia-sem-ver)gonha e o próprio conceito de linguagem, sobretudo aquela que pensa/fala/escreve sobre arte. Filósofos colaboram com estas reflexões: Deleuze e Guattari, Derrida, Safatle, Didi-Huberman, Rancière, Butler... O segundo objetivo é pensar/escrever/documentar a arte da performance no Brasil atual.


Projeto de Pesquisa: Sons e(m) Cenas

Docente responsável: César Lignelli

Descrição: O projeto têm como focos principais de pesquisa, a investigação, a elaboração e a execução de estratégias de apreensão e produção de sentido em contextos pedagógicos e estéticos distintos a partir das sonoridades (palavra, música e sonoplastia). Nessa perspectiva, o projeto possui duas frentes principais de ação. Uma vinculada a estratégias de formação pedagógico-estética de professores e atores e outra frente direcionada à investigação de composição de propostas predominantemente estéticas e sua relação com a formação de platéias de teatro. Cabe ressaltar que as pesquisas envolvendo a produção artística, metodológica e conceitual, desenvolvidas no projeto Sons e(m) Cenas estão diretamente relacionadas ao Grupo de Pesquisa Vocalidade e Cena - V&C (cadastrado desde 2003 no diretório do CnpQ), que se concentra no problema da produção de sentido, no processo que vai da abordagem do texto até sua concretização na voz, na palavra e nos demais sons presentes na cena no momento de sua performance.


Projeto de Pesquisa: Teatro no Distrito Federal: Memórias, Histórias e Acervos

Docente responsável: Elizângela Carrijo

Descrição: Desde 2004 é pesquisa que se mostra constante no Núcleo de Estudos da Cultura, Oralidade, Imagem e Memória, do Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares, da Universidade de Brasília (Necoim/CEAM/UnB). A temática tem rendido debates em grupos de pesquisa, projetos de iniciação científica com estudantes de vários cursos, diálogos com artistas da cidade, ações com arquivistas, bibliotecários, museólogos e jornalistas, participações em eventos acadêmicos e publicações variadas. Esse trabalho busca disseminar a existência, a importância e a relação entre a pesquisa acadêmica, os acervos documentais, os debates que envolvem memória e história e o campo teatral e cultural do Distrito Federal. Entre 2014 e 2016, em parceria com o grupo de pesquisa IMI (PPGCInf/UnB), concentrou esforços na elaboração de metodologias que mapeassem acervos fotográficos e de audiovisuais a partir das reflexões de arquivistas, historiadores e pesquisadores da ciência da informação. Entre 2016 e 2019, com o financiamento do Fundo de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF - Edital 08/2016), o projeto Inventários de Cenas: Mapeamento de Fontes Sobre Teatro-DF se desenvolveu com ações de Iniciações Científicas (estudantes de Museologia, Artes Cênicas e Jornalismo) e produziu publicações impressas distribuídas para bibliotecas e acervos públicos da cidade e do Brasil, e versões digitais disponibilizadas no site www.necoim.com.br. Em 2020, a pesquisa se desdobrou em tese de doutorado e recebeu Menção Honrosa de Tese do Prêmio Brasília 60 anos e indicação para representar o PPGFAC/UnB no Prêmio de Tese Capes. Entre 2021 e 2022, com o financiamento do Edital Interno CEAM No 01/2020 (Apoio a projetos, vinculado ao Edital COPEI-DPI/DEX N. 01/2020 - Apoio à execução de projetos de pesquisas científicas, tecnológicas, de inovação e de extensão de combate à Covid-19), o tema seguirá ativo por meio de publicações (livro e artigos) que estão em andamento no Necoim/CEAM/UnB.


Projeto de Pesquisa: Artes Cênicas e Decolonialidade

Docente responsável: Érico JosÉ

Descrição: O Projeto de Pesquisa intitulado ARTES CÊNICAS E DECOLONIALIDADE tem o intuito de refletir sobre a noção de Decolonialidade, localizando-a no contexto das Artes Cênicas brasileiras, tangenciando estes universos com discussões de grande importância nos trânsitos entre Artes Cênicas e Culturas, através de uma visada crítica sobre o estado da arte dos contextos aqui explicitados. Portanto, temas como Decolonialidade, Práticas Culturais, Artes Cênicas, Cultura Popular, Práticas Afrodiaspóricas, Teatro Negro, Estudos Culturais, Ancestralidade, Etnocenologia, Estudos da Performance, Antropologia Teatral, Feminismo Negro, Raça, Apropriação Cultural, Democracia Racial, Classe e Gênero fazem parte deste arcabouço no qual se situam os interesses desta pesquisa.


Projeto de Pesquisa: LATA - UnB

Docente responsável: Fabiana Lazzari de Oliveira

Descrição: O Laboratório de Teatro de Formas Animadas (LATA) é um espaço referencial de pesquisa, formação, criação e extensão na área do teatro de animação. Possui três linhas de pesquisa principais: A práxis e a poiésis no Teatro de Formas Animadas: tradição, educação e encenação; A Atuação das Mulheres no Teatro de Formas Animadas e Gestão e Produção Cultural.


Projeto de Pesquisa: Poéticas Cênicas: Visuais e Performativas

Docente responsável: Fabiana Lazzari de Oliveira

Descrição: Pesquisa sobre as diversas tendências do teatro de formas animadas, desde as tendências contemporâneas do teatro visual, às expressões das diversas tradições que baseadas nas formas de representação com objetos, figuras, luzes.


Projeto de Pesquisa: Laboratórios Objetos performáticos de Teatro de Animação

Docente responsável: Fabiana Lazzari de Oliveira

Descrição: Criado em 2013, com apoio dos Programas APQ1 da FAPERJ, o Laboratório realiza pesquisas artísticas sobre: 1) teatro de sombras e 2) performances itinerantes. Entre 2013 e 2017, foi realizada a pesquisa "Malandros, trapaceiros e heróis", que resultou em espetáculo teatral e em pesquisa sobre o mito de Prometeu. As atividades do Laboratório dialogam ainda com o grupo de pesquisa "Práticas performativas contemporâneas". O Laboratório conta com a participação de alunos de graduação e de pós-graduação em artes cênicas. O Laboratório promove encontros de teatro de formas animadas. Em 2016, o Laboratório formou o grupo Sombreiro Andante, que produziu o espetáculo ANANSE E O BAÚ DE HISTÓRIAS. O espetáculo participou do IV FIS, em Taubaté, do 11º FITA, em Florianópolis, e apresentações no SESC e outros espaços. A pesquisa atual (2018 a 2020) lida com o tema arte e espiritualidade e investiga as práticas contemplativas, sendo desenvolvida em parceria com o PPGAC/ECO/UFRJ.


Projeto de Pesquisa: Pobreza, performance e educação

Docente responsável: Gilberto Icle

Descrição: Este projeto tem por objetivo produzir conhecimento sobre as relações entre pobreza e performance, assim como analisar o impacto que as performances (artísticas, culturais, sociais etc.) têm na vida das pessoas pobres, procurando subsidiar novas políticas de combate à pobreza. Trabalha-se com a perspectiva dos Estudos da Performance, dos Estudos da Presença e da Etnocenologia para a manutenção de uma rede de pesquisadores, envolvendo incialmente dezoito instituições universitárias e de pesquisa em seis países (Brasil, Argentina, Portugal, Angola, Moçambique e França). O trabalho se propõe a uma análise transversal coletiva dos dados produzidos a partir de diferentes métodos de produção de dados. A metodologia possui cinco diferentes protocolos metodológicos: 1) análise documental e videográfica; 2) entrevistas; 3) observação participante; 4) etnografia; 5) experimentações artístico-pedagógicas. Os grupos aderem a esses protocolos formados coletivamente pela rede e produzem dados em seus respectivos contextos. O processo de análise dos dados produzidos é cruzado e comparativo, a partir do trabalho coletivo de dois ou mais grupos. Essa metodologia visa a construção compartilhada de conhecimentos aplicáveis ao campo em estudo. Os resultados esperados devem ser publicados em diversos artigos e livros em acesso aberto. Eles incluem metodologias a serem aplicadas na Educação Básica, políticas curriculares de formação para o Ensino Superior e formação de profissionais com altas capacidades em nível de graduação, mestrado e doutorado. O trabalho se enquadra na produção de conhecimento para a qualidade de vida, visto produzir não apenas ciência básica, na construção de teorias descritivo-analíticas sobre as relações entre Performance e Pobreza, mas, mais do que isso, criando diagnósticos e soluções multiplicativas para os contextos nos quais pessoas pobres se envolvem com atividades de performance. Este projeto vislumbra impactos em diferentes temáticas, na medida em que os grupos trabalham de forma interseccional, discutindo a interface entre pobreza e performance com gênero, classe, subalternidade, raça, sexualidade, imigração, educação, estética, políticas, processos de criação etc. Além disso, prevê a divulgação de abordagens, metodologias e métodos de intervenção em situações de pobreza nas quais performances estejam envolvidas.


Projeto de Pesquisa: Etnocenologia e Corporeidades Cênicas na Diversidade Cultural Humana

Docente responsável: Graça Veloso

Descrição: Junto ao AFETO-Grupo de pesquisa em Etnocenologia, esta é uma pesquisa que se propõe a investigar diversas corporeidades espetaculares na diversidade cultural humana. Partindo de noções como Branquitude e Negritude, ritos espetaculares de povos originários, espetacularidades sagracionais plurais, problematiza questões como racialização unilateral das diversas corporeidades e como isto reverbera nas relações estabelecidas na produção estética. Tem como objetivo a organização de publicações que tensionem as diversas maneiras pelas quais são impostas subalternizações na produção artística e suas pedagogias, notadamente em aspectos que priorizam diversas etnicidades que contribuem para as estruturais hegemonizações epistêmicas que dominam nossas relações com as plurais singularidades, individuais e coletivas. O que justifica a diversidade aqui proposta é a possibilidade de diálogos com todas as áreas de saberes humanos, uma das mais caras noções propostas pela Etnocenologia. As Palavras-chaves desta pesquisa se voltam para a diversidade de diálogos estabelecidos pelo conjunto de pessoas que compõem o Grupo de pesquisa Afeto: Etnocenologia; Corporeidades; Decolonialidades; Branquitude; Negritude; Gênero; Movimentos LGBTIA+; Feminismos; Feminismos Negros; Corpo e Sagração; Grupos Originários; Arte Urbana.


Projeto de Pesquisa: Ressignificações de tradições de teatro de bonecos na contemporaneidade.

Docente responsável: Izabela Brochado

Descrição: O projeto de pesquisa Ressignificações de tradições de teatro de bonecos na contemporaneidade é um projeto guarda-chuva que abarca dois outros projetos: a) Teatro de Bonecos Popular do Nordeste, Patrimônio Cultural do Brasil: criação e difusão de acervo digital e b) Processos de exposição e montagem com as técnicas do teatro de formas animadas. a) O primeiro se refere à organização, catalogação e acesso de documentos e de acervos materiais no campo das tradições do teatro de bonecos e se intitula Teatro de Bonecos Popular do Nordeste, Patrimônio Cultural do Brasil: criação e difusão de acervo digital. Por meio de uma ação interdisciplinar, na qual colaboram as áreas do teatro de bonecos popular, do patrimônio cultural, das ciências da informação e das línguas estrangeiras e tradução, o projeto propõe a criação de uma biblioteca digital, na qual pesquisadores, professores, artistas e público em geral - brasileiro e estrangeiro, possam ter acesso à documentação obtida e produzida durante o processo de Registro do Teatro de Bonecos Popular do Nordeste como Patrimônio Cultural do Brasil. A biblioteca digital será vinculada à Biblioteca Central da UnB – BCE e será construída mediante a adoção de software livre que comporte padrões internacionais de organização da informação. b) O segundo se refere a processos de exposição e encenação das formas de teatro de bonecos populares e vem sendo desenvolvido com mestrandos e doutorandos do PPG-CEN. O projeto tem as seguintes parcerias: b.1 LATA- Laboratório de Teatro de Formas Animadas da UnB; b.2 Bonecos de Lá e Cá: um museu viajante; b.3 – Grupo Trapusteros Teatro;


Projeto de Pesquisa: Corporeidades e diversidade em cena - diálogos de tradições, performances e educação na contemporaneidade.

Docente responsável: Jonas Sales

Descrição: Este projeto de pesquisa se propõe a agregar proposições que visem pensar o corpo em cena como potencial artístico e como pode reverberar em saberes para o aluno/artista em formação. Com isso, busca-se diálogos que abordem as corporeidades poéticas em expressões oriundas dos diversos povos tradicionais, das culturas afro brasileiras, das performances artísticas contemporâneas e dos fazeres cênicos que se proponham a promover diálogos entre os eixos aqui expostos.


Projeto de Pesquisa: O Axé da Rainha Nzinga Matriz corpórea e estética nas tradições negras e intercorporeidades na Cena Contemporânea.

Docente responsável: Jonas Sales

Descrição: Este projeto de pesquisa estuda as relações intercorporais do artista brincante e do artista cênico a partir da vivência com a personagem rainha Jinga (Nzinga), presente em expressões de tradições populares e transpostos para a cena teatral, percebendo a influência do Axé (energia) no trabalho de composição criativa desses artistas. Pretende-se confrontar diferentes culturas da cena com a perspectiva de refletir sobre o Axé do artista cênico e suas operações. Desse modo, estar-se-á refletindo, a partir de folguedos e danças dramáticas de matrizes africanas sobre culturas e povos colonizados em nosso processo de construção social a partir de um pensamento decolonial. Pretende-se construir um corpo como o elemento de construção da narrativa cênica para uma cena que propõe estéticas afrocentradas. Brincantes populares e alunos/artistas de instituições de formação cênica são os sujeitos dessa ação. Tradições populares como Congadas, Moçambiques, Capoeira e Maracatus que contém a presença da rainha Nzinga (ou de rainhas negras) em sua estrutura cênica, são condutoras das descobertas de Axés para o corpo do artista em cena. Esta pesquisa deseja também, acentuar caminhos metodológicos e descobertas para a vitalidade do artista da cena quando em ato de atuação, considerando a interculturalidade e diversidade da cultura artística.


Projeto de Pesquisa: Crianças protagonistas: artes cênicas e diversidade cultural em escolas do Distrito Federal

Docente responsável: Luciana Hartmann

Descrição: Este projeto de pesquisa, em andamento desde 2016, pretende desenvolver estudos sobre o protagonismo das crianças em processos artístico-pedagógicos, com alunos-pesquisadores de graduação e pós-graduação em Artes Cênicas, adotando como eixo transversal a questão da diversidade cultural no espaço escolar. O projeto objetiva promover processos de experimentação artística no campo das Artes Cênicas (teatro, dança, performance, audiovisual, contação de histórias, etc.), em coautoria com alunos do Ensino Fundamental de escolas públicas do DF, visando aprofundar e qualificar o debate sobre a diversidade cultural em sala de aula. Está ligado ao Grupo de Pesquisa Imagens e(m) Cena, liderado pela proponente, e pretende colaborar com a produção de novos aportes teórico-metodológicos para a área da Pedagogia do Teatro, tanto no DF quanto nacionalmente.


Projeto de Pesquisa: Wagnerianas: Metodologia integrada de Dramaturgia, Orquestração e Mediação Tecnológica a partir das propostas de Richard Wagner e sua recepção da ideia de Coro do Teatro Grego Antigo

Docente responsável: Marcus Mota

Descrição: Este projeto objetiva disponibilizar o know-how em processos criativos multissensoriais presentes nos textos teóricos e nas obras de Richard Wagner, reinterpretá-lo a partir de audiocenas ou cenas orquestradas digitalmente. Richard Wagner desdobrou-se entre textos teóricos e criação de obras dramático-musicais, enfatizando um diálogo com a dramaturgia ateniense antiga, especialmente a ideia e prática de coro, o que o levou ao híbrido de uma “orquestra coral” ou de um “coralização” da experiência cênico-musical. A tentativa dessa fusão de horizontes históricos e estéticos do passado grego com o século XIX antecipa a passagem para aquilo que as novas mídias (rádio, cinema) produziriam: uma mobilidade de referências sonoros e visuais, a emancipação das mídias. Se , segundo Friedrich Kittler ,” o drama musical de Wagner é a primeira mídia de massa no sentido moderno da palavra”, ao enfatizar a materialidade mesma do processo sensorial, um mapeamento dos procedimentos dramático musicais wagnerianos, seja explicitados em seus textos teóricos, seja inseridos na trama audiovisual de seus dramas musicais, proporcionará sua compreensão e preparará suas retomadas críticas e criativas. No caso deste projeto, teremos as seguintes etapas: 1- levantamento bibliográfico das questões envolvendo orquestração e recepção clássica em Richard Wagner e na bibliografia em torno destes temas; 2- mapeamento de conceitos e procedimentos que indicam a correlação entre “coralidade” e orquestração; 3- realização de roteiros e orquestrações digitais a partir dos procedimentos apontados, os quais serão veiculados como vídeos no youtube. Como metodologia de trabalho, temos a produção de seminários contínuos entre os integrantes da pesquisa, formando um ambiente multidisciplinar, interstitucional, e multitarefa. Para tanto, os seminários serão documentados por meio de um blog de acompanhamento, no qual serão registrados as discussões, estudos, reflexões e realizações do projeto.


Projeto de Pesquisa: Exercícios de Criação em Coletivo para a Cena

Docente responsável: Nitza Tenenblat

Descrição: Criado em 2015 o Projeto de Pesquisa Exercícios de Criação em Coletivo para a Cena (CRICOCEN) se dedica à pesquisa de modos de exploração, criação, pesquisa e produção cênicas que permeiam a coletivização de procedimentos técnicos, criativos e expressivos. As pesquisas do grupo abarcam aspectos estéticos, poéticos, políticos e éticos de modos de produção que tenham como alicerce a criação compartilhada. As atividades realizadas pelo grupo incluem, apresentação de artigos, demonstrações técnicas, oficinas, intervenções artísticas e espetáculos teatrais. Desde sua criação os trabalhos do grupo repercutem em apresentações realizadas em eventos científicos, artísticos e de formação educacional de âmbito local, nacional e internacional.


Projeto de Pesquisa: Bioperformatividade: Intersecções entre Artes Cênicas e Neurociências

Docente responsável: Nitza Tenenblat

Descrição: Este projeto tem como foco investigar intersecções e diálogos entre a performatividade na artes cênicas e as neurociências. O projeto se apoia na descoberta neurocientífica sobre a função primordial que o jogo (play) tem no desenvolvimento da neuroplasticidade humana. Assim, objetiva-se desenvolver dispositivos e metodologias que permitam compreender mais sobre como o jogo cênico afeta, influencia e altera os padrões corpóreos de biofeedback (como por exemplo batimento cardíaco, resposta galvânica e temperatura) de atuadores, técnicos e/ou público em estado de performance. O projeto está diretamente relacionado às atividades de pesquisa realizadas pela Coletiva Teatro, linha do grupo de pesquisa Criação em Coletivo para a Cena (cadastrado desde 2015 no Diretório do CNPq) em parceria com o Prof. Michael Rau do Departamento de Teatro e Performance da Universidade de Stanford, EUA.


Projeto de Pesquisa: Trabalho teatral e cultura política: formação estética e organização social

Docente responsável: Rafael Litvin Villas Bôas

Descrição: Análise dos processos de formação estética e organização social por meio do trabalho teatral no Brasil e demais países da América Latina. Estudo da eficácia contemporânea das metodologias desenvolvidas pela tradição do teatro político. Processos de formação e desagregação de sistemas teatrais no âmbito da produção e circulação. Interface da linguagem teatral com outras linguagens e formas artísticas (como as místicas dos movimentos sociais), com ênfase no cinema, literatura e televisão. Formas, funções e concepções do realismo na estética teatral. Teatro épico, dialético e popular. Modos de produção de bens simbólicos que envolvem a interface dos trabalhadores e trabalhadoras do teatro com outros segmentos, e processos.


Projeto de Pesquisa: Teatro e audiovisual na escola e na comunidade: redes de produção e circulação teatral em territórios camponeses, quilombolas e periféricos urbanos

Docente responsável: Rafael Litvin Villas Bôas

Descrição: O projeto de pesquisa é parte integrante das ações do grupo de pesquisa Terra em Cena: produção teatral e audiovisual na educação do campo, cadastrado no diretório de grupos do Cnpq, configurado também como programa de extensão do campus de Planaltina da UnB. Tem como objetivo formar pesquisadores professores que atuam na área de habilitação em Linguagens da Licenciatura em Educação do Campo, qualificando a prática docente dos estudantes de graduação, instrumentalizando-os com conhecimento teórico e metodológico para que possam fazer uma leitura da realidade das comunidades e territórios em que vivem e trabalham e possam formular coletivamente estratégias de intervenção por meio do trabalho coletivo com as linguagens do teatro e do audiovisual. O projeto se propõe também a trabalhar com os membros das comunidades camponesas, quilombolas, e periféricas urbanas de territórios em que existem grupos ligados às Rede do Terra em Cena e da Escola de Teatro Político e Vïdeo Popular do Distrito Federal (ETPVP-DF).


Projeto de Pesquisa: Percepção, sentidos e experiência: deslocamentos e transformação de si

Docente responsável: Rita de Cássia de Almeida Castro

Descrição: Estudos teórico-práticos acerca dos sentidos e suas apropriações em contextos cênicos e performativos. Aprofundamento em procedimentos que verticalizem abordagens sutis e escuta profunda do corpo. Conexão do humano com a natureza. Projeto ligado às linhas de pesquisa Dramaturgias dos Sentidos e Teatro do Instante, do grupo de pesquisa Poéticas do Corpo.


Projeto de Pesquisa: Variações sobre o cinema e o teatro

Docente responsável: Roberta Kumasaka Matsumoto

Descrição: Continuidade de pesquisa realizada durante o pós-doutorado na Universidade de Paris 8 - Vincennes - Saint-Denis. Estudo das possíveis relações, influências e intercâmbios entre o teatro e o cinema no que tange a utilização dos dispositivos audiovisuais como instrumentos de pesquisa em artes cênicas (metodologia de pesquisa em artes cênicas) e a composição de obras audiovisuais a partir do registro de e espetáculos teatrais (memória, permanência, efemeridade e processo criativo). Tal estudo fundamenta-se na análise praxeológica de obras de diretores cinematográficos e teatrais, como Ariane Mnouchkine et Peter Brook, e na problematização de categorias como teatro-filmado, quadro-vivo, registro de espetáculo.


Projeto de Pesquisa: CDPDan (Coletivo de Documentação e Pesquisa em Dança)

Docente responsável: Soraia Maria Silva

Descrição: Espaço de reflexão e prática da dança visando vincular pesquisas realizadas na graduação e pós-graduação, sob perspectivas metodológicas envolvendo a tradução para o gesto dançado de outras fontes sínicas, no exercício da dança como ambiente primevo gerador de potências integralizadoras das artes do tempo no espaço, e as do espaço no tempo, em negociações cosmopoéticas. Assim como observamos processos criativos utilizando rastros do arquivo/memorial pessoal com mediações das informações estéticas utilizando recursos tecnológicos em interação com outras linguagens e planos de arquivo.


Projeto de Pesquisa: Cosmolivro/Videopoemacosmodansintersemiotizados

Docente responsável: Soraia Maria Silva

Descrição: Esse projeto pretende desenvolver conceitualmente a análise dos exercícios de vidodança envolvendo a cosmodança, a dansintersemiotização, a sinergia minemônica e seus vários registros midiáticos como potencializadores da multisensorialidade.


Projeto de Pesquisa: Estilo e procedimentos de ensaio: a voz e a palavra em performance.

Docente responsável: Sulian Vieira

Descrição: Investigar as potencialidades da consideração do estilo no teatro como uma dimensão produtiva e de negociação entre autores, diretores, atores, plateias, com fins de produzir reflexão conceitual e de propor procedimentos de ensaio que viabilizem a efetividade desta noção no contexto de formação de atores e de professores de artes cênicas, com ênfase na voz e na palavra em performance.


Projeto de Pesquisa: A formação para atuação no teatro contemporâneo: autonomia e dependência entre técnica e estética.

Docente responsável: Sulian Vieira

Descrição: O objetivo é pesquisar as relações de autonomia e dependência entre técnica e estética de modo a considerar noções fluidas de corpo tais como corpo sem órgãos, corpo como lugar, corpo como primeiro palco, corpo-máquina, que permitam caracterizar as noções de técnica e estética hoje. A intenção é propiciar referenciais para a reflexão de professores de artes cênicas e atores e atrizes estudantes sobre a formação para a atuação hoje, uma vez que se observa a sobreposição entre processos criativos e treinamento, de modo a confundir procedimentos de ensaio com o treinamento. Apesar da estreita relação que existe historicamente entre a formação para a atuação e a produção estética em diversas culturas contemporâneas, observa-se que certa autonomia entre técnica e estética prepararia quem atua para abordar um repertório de gêneros e estilos variados bem como para nutrir linhas de voo entre os gêneros estabelecidos em performance que indiquem caminhos para a configuração de outros estilos de atuação e de vocalidades em cena no multifacetado cenário contemporâneo da artes cênicas.


Projeto de Pesquisa: Vozes Políticas e Política das Vozes.

Docente responsável: Sulian Vieira

Descrição: Trata-se de um projeto interinstitucional de iniciativa da professora Dra. Daiane Dordete do PPG-CEN da UDESC, em processo de elaboração. O projeto é destinado a abarcar estudos nos quais a perspectiva feminista anticolonial guie as reflexões sobre práticas e poéticas da voz com foco nas artes da cena.